em ,

Público reage contra censura na Bienal do Rio

Mais um vexame internacional para o Brasil: o prefeito Crivella do Rio de Janeiro ficou surpresa nesta semana ao descobrir um gibi dos Vingadores onde os personagens sãos gays e protagonizou uma das cenas mais bizarras da história recente do país ao enviar fiscais para buscar e apreender material impróprio na Bienal do Livro, que ocorre no Rio de Janeiro.

Mesmo com a edição do quadrinho esgotada na Bienal, o assunto rapidamente virou um dos principais assuntos do país e até mesmo capa na Folha de São Paulo no último 7 de setembro, dia da pátria amada, e mais um dia turbulento na Bienal do Rio após o Tribunal de Justiça do Rio decidir pelo recolhimento de obras LGBTQ, o que levantou uma nova onda de protestos pelo público e também por quem acompanha pela internet.

O Youtuber Felipe Neto em protesto comprou nada menos que 14 mil livros com temática e distribuiu gratuitamente, numa ação que ganhou composição dramática quando já no final do dia os fiscais da prefeitura do Rio de Janeiro aparecerem no evento, sendo recebidos aos gritos de “Não vai ter censura”.

Um sete de setembro bastante emblemático. Já neste domingo, dia oito, o STF proibiu proibir Toffoli derruba decisão de apreender livros na Bienal dada pelo prefeito Crivella na quinta-feira e que vinha causando polêmica nas indas e vindas do judiciário desde então.

Deixe sua opinião

Publicado por Rubens Soares

Bienal do livro do RJ, Vingadores, Beijo Gay e Censura no 2q News

O melhor e o pior de It: Capítulo 2 no Outcast!