em

Mark Waid comenta sua fase em Homem-Aranha

Famoso por sempre estar presente em ótimas fases de personagens tanto da DC como na Marvel, Mark Waid conseguiu sua fama simplesmente por ser um grande escritor mainstream. É interessante notar que um desejo seu, como profissional e fã, sempre foi poder trabalhar num arco de histórias com o Homem-Aranha e seus coadjuvantes mais famosos, e esse dia finalmente chegou. Com o arco 24/7, Waid pretende deixar sua marca pra sempre no Cabeça de Teia.

amazing-spiderman-592Um de seus personagens favoritos, como leitor, é o editor rabugento J.J. Jameson, quem ele pretende explorar ao máximo nessas histórias. Agora que JJJ é prefeito de Nova York, o timing para o escritor é perfeito e ele pretende explorar isso com todas as forças, fazendo com que JJJ utilize ainda mais sua influência para destruir de vez a imagem do Aranha em NY. O mais bacana é que agora Peter não usará a sua identidade civil por um tempo. Waid falou que os fãs verão que a decisão dele não foi tomada só pra sacanear seu velho patrão, mas que existem outros motivos por trás de sua máscara.

amazing-spiderman-592-pg06Ainda nesta arco os leitores verão o pai de Jameson e um novo e misterioso Abutre, que estará por trás do crime de NY e começará seu Império de Crime se alimentando de quem está abaixo dele no submundo da cidade.

Ao ser perguntado sobre a fase pré-Um dia a Mais, quando o Aranha tinha identidade pública, Waid contou que acredita que um personagem como ele precisa ser conhecido por alguns de seus semelhantes, como o Tocha Humana e o Demolidor, mas não o restante do mundo.

A aguardada chegada de Mark Waid nos roteiros, com Mike McKone na arte, aconteceu ontem, nos EUA, com Amazing Spiderman #592. No Brasil, a história deve ser publicada no começo do ano que vem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

2 Comentários

#Lançamento'22 Circuito Ambrosia