Guillermo Del Toro foi o vencedor do Leão de Ouro no 74º Festival de Veneza, que se encerrou nesse sábado (dia 9 de setembro). Seu “The Shape of Water” é mais um mergulho no mundo da fantasia e suspense que lhe são caros. Na nova trama do diretor de “O Labirinto do Fauno”, uma faxineira muda que se envolve romanticamente com uma criatura aquática aprisionada em um laboratório americano. O filme tem previsão de estreia no Brasil para  para 11 de janeiro de 2018.

“Quero dedicar esse prêmio a todos os diretores americanos e latino-americanos que desejam fazer filmes que mexam com nossa imaginação”, disse Del Toro. “Eu acredito em vida, amor e cinema. E nesse momento da minha vida eu me sinto cheio de vida, amor e de cinema”, completou.

“Foxtrot”, do israelense Samuel Maoz, venceu o grande prêmio do júri. Já o Leão de Prata de melhor direção foi para o francês Xavier Legrand, pelo drama “Jusqu’à la garde”. Confira os vencedores abaixo:

Melhor filme: “The shape of water”, de Guillermo del Toro

Grande prêmio do júri: “Foxtrot”, de Samuel Maoz

Melhor diretor: Xavier Legrand (“Jusqu’à la garde”)

Melhor ator: Kamel El Basha (“The insult”)

Melhor atriz: Charlotte Rampling (“Hannah”)

Melhor roteiro: “Three billboards outside Ebbing, Missouri”, de Martin Donagh

Prêmio especial do júri: “Sweet country”, de Warwick Thorton.

Ator/atriz revelação: Charlie Plummer (“Lean on Pete”, de Andrew Haigh)

Prêmio Leão do Futuro (diretor estreante): “Jusqu’à la garde”, de Xavier Legrand

Melhor filme em Realidade Virtual: “Bloodeless”, de Gina Kim