em ,

Studio Ghibli vai realizar sua primeira animação em computação gráfica

Trama é baseado em um livro britânico de 2011

O lendário Studio Ghibli, maior referência de animação japonesa que nos deu obras-primas como “A Viagem de Chihiro” e “Princesa Mononoke”, vai enveredar pelo ramo do 3D. Segundo noticiou uma subsidiária da TV japonesa NHK, o estúdio voltará à cena com “Aya to Majo” (ou “A Bruxa”, em português), que será sua primeira animação completamente criada em computação gráfica.

A trama se baseia no conto “Earwing and the Witch”, da escritora britânica Diana Wynne Jones, lançado em 2011. É a história da garota Aya, uma menina órfã que é adotada por uma bruxa sendo levada para a sua estranha casa. Lá ela acaba se transformando em uma bruxa também.

Esse já é o segundo livro da autora a ser adaptado pelo Studio Ghibli. O anterior foi “O Castelo Animado” de 2004.

“Aya to Majo” é um projeto do filho do Hayao MiyazakiGorō Miyazaki. O longa será lançado ainda em 2020 na NHK.

Leia mais sobre Studios Ghibli

Deixe sua opinião