em ,

Curtos: La Maison en Petits Cubes

[vimeo]http://vimeo.com/12741107[/vimeo]

Sinopse: Enquanto sua cidade é lentamente engolida pelo mar, um viúvo idoso é forçado a construir novos andares em sua casa para se manter acima da água. Quando ele acidentalmente deixa cair seu cachimbo preferido, a procura pelo objeto o faz reviver cenas de seu passado.

O que temos a dizer: Apesar do nome em francês e do estilo mais próximo de produções européias, esta é uma animação japonesa de Kunio Katō, o mesmo diretor do excelente (e muito pouco conhecido) The Diary of Tortov Roddle.

O título pode ser traduzido para o português como “A Casa dos Pequenos Cubos” e neste curta nós acompanhamos a vida e as emoções de um senhor ilhado por um mundo aonde os oceanos já invadiram a tudo e a todos. Faz pensar, não só nos temas ambientais obviamente evidentes, mas também no fardo de se levar a vida adiante num mundo que vai engolindo tudo o que vê pela frente, não importa o que acontece e quem fique para trás. A cada andar daquela casa, o espectador conhece mais a antiga felicidade de seu dono e entende um pouco mais de sua solidão de maneira tocante.

Ao vencer o Oscar 2009 de melhor curta-metragem animado, este curta não só fez justiça pela sua qualidade, como reparou um erro que já durava décadas, pois o japão nunca antes havia levado para casa uma estatueta nesta categoria.

[xrr rating=4.5/5]

Título: La Maison en Petits Cubes (Tsumiki No Ie)
Duração: 12:05m
Realizador: Kunio Katō
Ano: 2008

Deixe sua opinião

Publicado por Henrique Amud

Crítica do filme “72 Horas”

TRON – O Legado (da Disney)