em

Festival Varilux: Copacabana

Festival Varilux: Copacabana | Filmes | Revista Ambrosia

Em cartaz no Festival Varilux, Copacabana marca pela interpretação de Isabelle Huppert (A Professora de Piano), que dá vida à Babou, uma senhora que já viajou pelo mundo e no momento encontra-se em desentendimentos com a filha Esmeralda (Lolita Chammah), que vai se casar e não quer a presença da mãe. Sua desculpa é que a mãe a envergonharia. A personagem tem sua excentricidade, é verdade, e a filha parece querer se casar apenas para se livrar de sua presença.

Precisando de dinheiro e não tendo mais nada que a prendesse à França, Babou aceita um emprego para trabalhar na Bélgica como corretora de imóveis. A princípio o trabalho parece uma furada, mas ela, com seu jeito eloquente e carismático, acaba conquistando clientes e se destacando. O mesmo carisma está presente quando Babou acolhe um casal de moradores de rua para dormir em um dos quartos do local onde mora e trabalha, e em diversos outros momentos quando fica claro que no fundo ela é uma pessoa de bom coração.

O grande sonho de Babou, no entanto, é ir para o Brasil. Fascinada pela música e cultura da nossa terra, ela planeja ganhar dinheiro suficiente em seu trabalho para visitar nosso país. Em um final surpreendente, Copacabana é uma obra que encanta por sua delicadeza ao narrar a história de uma mulher excêntrica e sonhadora.

[xrr rating=4/5]

Deixe sua opinião

Avatar

Publicação Thais Aux