em

Mamma Mia! Meryl Streep te convida para dançar ao som do Abba.

Mamma Mia é mais um musical da Broadway que ganhou sua versão nas telas de cinema. A história conta sobre Sophie (Amanda Seyfried) que nunca conheceu seu pai e ao ler o diário de sua mãe Donna (Mery Streep) e descobre que há 3 homens com a possibilidade de ser, esses homens são Sam (Pierce “Bond” Brosnan), Harry (Colin Firth) e Bill (Stellan Skarsgard).

As vésperas de se casar com seu grande amor Sky (Dominic Cooper) e determinada a preencher esse vazio dentro de si, Sophie decide enviar uma carta a cada um dos 3 homens que podem ser seu pai para que compareçam ao seu casamento, a intenção da jovem é reconhecer qual deles é seu pai assim que encontrá-lo. Porém foi dado início a muita confusão e gargalhadas todas ao som da banda Abba.

Acompanhada de suas duas amigas Rosie (Julie “Sra. Weasley” Walters) e Tanya (Christine Baranski), Donna tenta de tudo para que os 3 grandes homens de seu passado não descubram sobre Sophie e vice e versa, sem saber é claro que os rapazes estão na ilha a convite de sua própria filha.

O filme é uma graça, a paisagem da Grécia dar realmente um ar romântico a história, Meryl está encantadora como Donna, e é engraçadíssima a cena quando ela reencontra Sam, Harry e Bill.

Os atores estão bem em seus papéis, tirando Pierce Brosnan cantando, aquilo realmente me incomodou. No mais, o saldo é bem positivo, porém em alguns momentos a iluminação fica algo muito falso, com certeza na Grécia não um luminosidade daquelas, mas isso é mero detalhe. É visível que Meryl Streep, se divertiu como nunca fazendo esse filme.

Quem quiser ir se divertir Mamma Mia! é a proposta ideal para o fim de semana.

Mamma Mia! Here I go again…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Street Fighter

Publicado por V.H. Batista

ColecionadorGibizeiroFanáticos por SériesSuper-fãs

Coral Glee Club do Japão em única apresentação na UERJ nesta terça-feira

J.R. se assombrou com "Trovão Tropical"