em

Memórias póstumas de uma Nação Morta.

Até onde se sabe, Jack McReady e Scarlett Blake estão entre os poucos sobreviventes – no melhor sentido aventureiro da palavra – à calamitosa, e, de certa forma já bem evoluída, infestação de um vírus poderoso.

dn06

Tal vírus, como já estamos decompostos de tanto saber, ver e ouvir falar… Bem, este mantém a atividade cerebral do indivíduo infectado viva após sua morte. Os contras, são a deterioração natural dos tecidos do corpo e poucas das funções mentais básicas ativas. Uma delas, é se alimentar. O contágio do vírus é feito pelo sangue. Assim, como o papel de morto-vivo é morder, rastejar e reclamar, temos então aí o ecossistema perfeito para proliferação dos já devidamente famosos zumbis.

dn02

Jack e Scarlett, por motivos desconhecidos, são imunes ao tipo de contaminação em questão. Doutor Morton, depois de todo o custo para comunicar-se via rádio com os supostos sobreviventes, diz que está trabalhando em uma cura. Depois de subir no telhado pra captar melhor o sinal e decifrar a mensagem, finalmente os dois sangue-bons – em conversa com Morton –, anotam a receita da famigerada cura. Seria preciso uma amostra de DNA do primeiro infectado pelo vírus e de um dos imunes. Então, não cabe mais a mim contar o resto da história, mas, pra dar um exemplo, esse primeiro corpo infectado fora devidamente sepultado em um cemitério bem populoso. Sugestivo, não?

dn05

Dead Nation foi lançado na PSN em novembro de 2010, classificado como o jogo do ano de 2011 pela própria rede. Enquadrado na categoria de top-down shoot’em up, a visão do jogo é de cima e os ataques vem massivos e por todos os lados. O estilo e a nomenclatura vêm do saudoso Space Invaders, que de certo ponto de vista, se assemelha ao DN.

Pode-se jogar individualmente com Jack ou Blake, mas o ideal pra diversão é o modo cooperativo, mesmo limitado a dois jogadores apenas. A atmosfera caótica envolve e, quando menos se percebe, você já está tenso e preocupado com a sua ou a vida de seu parceiro. Os cenários são poucos, mas, em contrapartida, não comprometem muito. As partes e itens escondidos fazem bem seu papel e colaboram pra harmonizar a fotografia.

dn03

É bem cooperativo. A interação das armas com os inimigos é vasta, contudo, alguns deles não pegam fogo ou não caem ao serem alvejados por um simples balaço. Existe também a cada checkpoint, um mercado desses tais de armamentos: lança-chamas, lança-granadas, submetralhadoras, shotguns, granadas e bombas incendiárias são alguns dos recursos disponíveis. Para se proteger, use uma configuração de armaduras destraváveis ao longo do jogo, que acrescenta nos seus atributos velocidade, defesa, essas coisas…

Longe de ser a opção mais cara da PSN, digo que nunca fiquei tão satisfeito com a aquisição de um título online como fiquei com esse. Ideal, inclusive pra relembrar aquela época dos multiplayers de CPS ou da SNK.

Participe com sua opinião!