em

Ubisoft e Sony dominam o primeiro dia da E3 2012

A Sony chegou a E3 de 2012 com grandes promessas e novidades. Ao contrário da Microsoft que praticamente aceitou que é melhor esperar pela próxima geração de consoles, a Sony resolveu partir para a jugular com diversos lançamentos, inclusive dando a entender que o PS Vita poderá agir da mesma forma que o Wii U da Nintendo, ou seja, um periférico que corre em paralelo ao console principal.

Começando com chave de ouro, Jack Trenton, CEO da empresa nos Estados Unidos apresentou o próximo jogo dos criadores de Heavy Rain que irá se chamar Beyond: Two Souls e seguirá os mesmos padrões do jogo prévio, contando uma história no melhor estilo de narração cinematográfico em que iremos acompanhar a vida de Judy Holmes, interpretada pela atriz Ellen Page (A Origem, Juno), desde sua infância até sua idade adulta, mostrando como ela convive com eventos sobrenaturais que a acompanham.

Seguindo isso, foram mostradas mais algumas cenas de God of War: Ascension, novo jogo da franquia e que aparentemente seguirá a mesma linha dos antecessores mas, com algumas mudanças nos gráficos. God of War é a típica franquia da Sony que nunca terá fim e a empresa insiste nela, mesmo já demonstrando um leve desgaste.

Ainda, foram mostrados Far Cry 3, que terá modo de cooperação de até 4 jogadores para a campanha principal, multiplayer e editor de mapas; Playstation All-Stars Battle Royale, que irá possibilitar a luta de até 4 jogadores na mesma arena, usando tanto o PS3 quanto o Vita, com personagens de franquias famosas da Sony como Nathan Drake, Big Daddy (Bioshock), Kratos (God of War), Sly Cooper, Sweet Tooth (Twisted Metal) e Fat Princess.

Um novo jogo da franquia Assassin’s Creed foi anunciado com exclusividade para o Vita. Intitulado Assassin’s Creed 3: Liberation, contará com a primeira protagonista mulher da franquia, mostrando-a na luta pela liberdade de Nova Orleans durante a Guerra Civil Americana. O jogo irá interagir com o universo de Assassin’s Creed 3 para o PS3, possibilitando a liberação de uma série de itens e personagens no multiplayer, bem como ganhará um bundle especial que virá com um PS Vita branco.

Continuando na franquia Assassin’s Creed, as primeiras cenas de batalhas marítimas foram mostradas com você comandando uma nau em busca de navios inimigos, podendo disparar seus canhões com uma grande variedade de munições. As cenas de combate já foram o bastante para alguns começarem a cogitar um jogo de piratas com este tipo de jogabilidade…

Agora mais sobre Assassin’s Creed 3 abaixo, antes vamos ao final da conferência da Sony que nos trouxe os primeiros minutos do aguardado “The Last of Us”, da Naughty Dog, mesma produtora de Uncharted. O game apresenta um mundo devastado por uma doença onde as pessoas abandonaram as cidades e aqueles que ficaram para trás, lutam entre si por comida, armas e abrigo. A empresa demonstrou a AI do jogo e a variedade de possibilidades de avanço pelas fases, seja via furtiva, seja atirando nos adversários, usando alguns como escudos humanos, etc.

De cara, percebe-se que teremos o maior prazer em jogar com Joel e Ellie não só pelas suas ações mas também, pela interação entre eles, seus diálogos e o que os levou a ficar juntos nessa jornada pela sobrevivência.

Durante a conferência, a Sony confirmou que os usuários do Playstation Plus irão ganhar apenas neste mês de junho, 12 jogos gratuitos, bem como uma série de descontos. Apenas para deixar os frequentadores do evento mais loucos, eles deram vales de um ano gratuito na Plus para quem estava lá dentro do auditório. Algumas milhares de pessoa do mundo gritaram de inveja ao mesmo tempo.

Nada foi dito a respeito de uma próxima geração de consoles e muito provavelmente isso só será feito a partir do ano que vem mas, como se sabe, todas as empresas estão prontas para seguir adiante e deixar esta geração, que já durou muito, para trás.

Na conferência da Ubisoft além do novo trailer de Assassin’s Creed 3, mais gameplays do jogo foram mostrados, inclusive uma invasão a um forte inglês para matar o comandante do local com direito a uma enorme variedade de assassinatos com os mais variados tipos de armas, desde pistolas até o machado conhecido como Tomahawk. A qualidade dos gráficos parece ter seguido Assassin’s Creed 2: Revelations, mas a jogabilidade parece mais fluida e limpa.

Para finalizar, o melhor jogo até o momento: Watch Dogs. Pela história apresentada, conforme a evolução tecnológica foi se impondo ao mundo, as principais funções que fazem a cidade funcionar tiveram de ser colocadas nãs mãos de um super computador após um ataque hacker ter colocado boa parte dos EUA no escuro em 2003. Agora, com o controle centralizado nas mãos de um computador, somos indagados sobre quem controla o computador. É com esta premissa que entramos em Watch Dogs, um jogo de mundo aberto que parece misturar GTA, Deus EX e Metal Gear Solid. Coloco abaixo o vídeo com dez minutos de gameplay que mostram um pouco das possibilidades do jogo.

Para não dizer que não houve nada ruim, a conferência da Sony demonstrou a eterna insistência da empresa com seu PS Move. É o típico periférico que não deu certo e muito provavelmente essa empreitada juntamente da autora J.K. Rowling para os tais Book of Spells não irá dar certo já que tudo parece ser bobo demais, até mesmo para crianças. O Move deveria ser deixado de lado e a empresa focar em algo mais produtivo, especialmente na próxima geração de consoles.

Amanhã sai um resumo da conferência da Nintendo que trouxe algumas boas novidades para seus fãs.

Participe com sua opinião!