em ,

Morrissey revela detalhes de sua vida como nunca antes em autobiografia

Morrissey sempre foi um cara muito reservado, quase nada se sabia sobre sua vida pessoal, nem mesmo havia a certeza de sua (homo)sexualidade. Todas essas dúvidas podem ser tiradas em sua autobiografia, na qual o ex-líder do The Smiths promete colocar tudo às claras, ou, quase tudo, que, em se tratando de Morrisey, já é muita coisa. Depois de algumas brigas em relação ao conteúdo do livro, o que quase cancelou o lançamento, “Autobiography” (Penguins Classics) foi lançado no Reino Unido ontem, dia 17, e, infelizmente, não tem data prevista para chegar ao Brasil.
744554

Mas o que se pode adiantar, é que Morriseey conta de sua primeira experiência sexual com um homem, que foi depois dos 30. Sobre esse relacionamento com o fotógrafo Jake Walters, ele diz: “Pela primeira vez em minha vida, o eterno ‘eu’ virou ‘nós’, quando, finalmente, consegui ficar com alguém”. O cantor conta também que queria deixar There’s a Light That Never Goes Out de fora do álbum The Queen Is Dead e que o The Smiths salvou a gravadora Rough Trade, que a princípio os esnobou, e do processo judicial movido pela cozinha da banda, Mike Joyce e Andy Rourke. Para os fãs brasileiros mais ansiosos, resta apenas importar.

804968

Participe com sua opinião!

Maestria

Publicado por Cesar Monteiro

VerificadoEscritorVideocastCinéfiloMusicólogoRepórterSuper-fãsPromotor(a)

“Kick-Ass 2” empolga com bons personagens e violência extrema

“Gravidade” e a Involução Natural