em

Pete Townshend acena com possibilidade de novo disco do The Who

Roqueiro, que preferia morrer do que ficar velho, diz que já tem 10 possíveis canções para um novo álbum do The Who, depois do ótimo “Who” (2019)

O The Who já é uma lenda do rock. Apesar do pouco em comum entre Pete Townshend e Roger Daltrey — os dois membros sobreviventes da formação original — os dois ainda conseguem produzir música de 1ª, como mostraram em 2019 com o ótimo “Who”.

Depois disso, o mundo mudou, o novo coronavírus apareceu e todo mundo se isolou. Agora, Pete Townshend (75) afirma que um novo disco está no horizonte.

Produtividade durante o lockdown

Vários foram os astros que aproveitaram o isolamento para produzir e lançar novos trabalhos. Paul McCartney, talvez, seja o melhor exemplo disso, alcançando o topo das paradas com o seu “McCartney III”.

Pete Townshend parece seguir o mesmo caminho. Foram 13 anos de intervalo entre os dois últimos álbuns do The Who — Endless Wire (2006) e Who (2019) — e, ao que parece, os fãs não vão precisar esperar tanto para ouvir novas canções do grupo.

Segundo o músico disse ao The Mirror, “há páginas e páginas de esboços de letras” e “se o momento, chegar, eu vou lá e começo”, “se for financeiramente viável”.

Um The Who de personalidades bem diferentes

 

Daltrey e Townshend: o The Who

Que Townshend e Daltrey não são grandes) amigos, todos sabem, mas eles conseguiram encontrar uma maneira de “trabalharem juntos no estúdio” sem conflitos.

Townshend compõe, grava r depois envia as “fitas” para que Daltrey coloque seus vocais. Assim, nada de brigas na “família The Who”.

Enquanto os shows ao vivo não são uma possibilidade para roqueiros veteranos (e nem para os novos) a produção de novas canções parece mesmo ser a melhor opção para aproveitar o tempo “ocioso”.

Que o novo álbum venha logo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários