Ator é acusado de roubo e revistado no palco durante premiação em São Paulo

40
0

Na noite da última terça-feira (02), a cerimônia de entrega do Prêmio APCA reuniu artistas de todo o país em São Paulo. No entanto, um triste incidente chamou a atenção do público: um dos atores premiados foi acusado de roubo e foi revistado em cima do palco, enquanto aguardava para discursar sobre a premiação.

Giu Alles, integrante da Companhia Antropofágica, um dos grupos homenageados pela Associação Paulista de Críticos de Arte em 2024, relatou que foi acusado de roubo por um dos organizadores do evento e abordado por um dos seguranças. Ele explicou no palco que o incidente ocorreu quando lhe pediram para retirar o prêmio da bolsa. Giu teve que abrir sua bolsa e mostrar que estava guardando seu celular, não o prêmio.

Durante seu discurso de agradecimento, a atriz Suelen Moreira lamentou o ocorrido e destacou a importância de combater o racismo e preconceitos, especialmente quando pessoas negras ocupam espaços oficiais. Após o incidente, os integrantes da Companhia Antropofágica receberam um pedido de desculpas da organização. Foi explicado que o prêmio usado no evento era fictício e que as estatuetas oficiais seriam entregues posteriormente.

Ainda assim é lamentável que a postura da Associação Paulista de Críticos de Arte (antiga Associação Paulista de Críticos Teatrais), em mais um exemplo claro de racismo e preconceito. O episódio destaca a necessidade contínua de conscientização e mudança para garantir que todos as pessoas sejam tratadas com justiça.

Fonte: Band News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *