Ilustração do primeiro volume de ‘Harry Potter’ será leiloada em Nova York por valor recorde

42
0

Na próxima quarta-feira, dia 26 de junho, a casa de leilões Sotheby’s realizará um evento especial para os fãs do mundo mágico de “Harry Potter”. O destaque da noite será a aquarela que definiu a imagem do jovem bruxo no primeiro volume da saga escrita por J.K. Rowling. A ilustração foi criada pelo ilustrador Thomas Taylor, que, na época, trabalhava em uma loja de livros infantis em Cambridge, Reino Unido.

Em 1997, quando tinha apenas 23 anos, Taylor foi contratado para ilustrar “Harry Potter e a Pedra Filosofal”, o primeiro dos sete volumes da série que se tornaria um fenômeno mundial, traduzido para 80 idiomas e vendendo mais de 500 milhões de cópias. Naquela época, tanto a autora quanto o ilustrador eram desconhecidos, e ninguém poderia prever o sucesso estrondoso que a obra alcançaria.

A ilustração em questão é a primeira visualização ou representação visual de Harry Potter. Ela aparece na capa de um dos primeiros exemplares do livro, que inicialmente teve apenas 500 cópias impressas, a maioria distribuída em bibliotecas. O boca a boca e a magia da história levaram ao sucesso, e hoje essa imagem icônica é parte fundamental do imaginário dos fãs.

O preço estimado para a aquarela no leilão varia entre US$ 400 mil (cerca de R$ 2,1 milhões) e US$ 600 mil (cerca de R$ 3,3 milhões). Esse valor é o mais alto já registrado para uma obra relacionada ao personagem. Além da ilustração, a Sotheby’s também oferecerá um conto de fadas escrito por J.K. Rowling em 2007, com uma dedicatória especial a Barry Cunningham, um dos primeiros apoiadores da série.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *