em , ,

As melhores séries em quadrinhos da DC Comics em 2020

Mais um ano, é hora de olhar para 2020 e ver quais foram os títulos foram as melhores do ano. Para isso, definimos alguns critérios, foca no que estejam dentro do Universo DC convencional e que tenha sido lido por nossos colaboradores.

Flash: Ano Um por Joshua Williamson

Year One é uma iniciativa de branding da DC que detalha as origens de seus vários personagens. Devemos lembrar que nem toda história de origem é um Ano Um, mas todo Ano Um é uma origem, servindo como a origem definitiva de agora em diante. Flash: Year One narra como Barry Allen chegou a controlar seus poderes e e a usá-los eficentemente.

Shazam: Os Sete Reinos Mágicos de Geoff Johns

Geoff Johns é considerado como o escritor que desenvolveu os mitos do Lanterna Verde no que é hoje, então, após a estreia de Shazam nas telas de cinema, a DC capitalizou essa popularidade ao contratar Johns para expandir os mitos do Shazam.

Tropeçando nos Sete Reinos Mágicos, Billy e sua família adotiva se aventuram por um nexo de reinos chamados de Esfera dos Deuses, onde a magia reina suprema, e as circunstâncias são bem mais sinistras do que é apresentadas inicialmente.

Superman Esmaga a Klan de Gene Luen Yang

Buscando inspiração em um arco de história no programa de rádio de 1946 do Superman chamado “Clan of the Fiery Cross”, a história segue os passos de uma família sinoamericana em Metrópolis, durante a Segunda Guerra Mundial.

Estando em um período racialmente volátil, a filha mais velha, que emprega o nome “Roberta” para “aliviar as pessoas brancas ao seu redor”, narra sua família enfrentando um grupo local da Ku Klux Klan. Impedido por sua própria dúvida, Superman luta contra a Klan e sua identidade, impedindo seus esforços para cumprir seus deveres de super-herói.

Os Três Coringas de Geoff Johns

Enquanto ainda está sendo desenvolvido, o enredo dos Três Coringas tem suas raízes na Guerra Darkseid (2015), quando Batman usurpou a Cadeira de Metron e descobre que existem, de fato, três coringas separados. Levando o mito do Batman e seus fãs ao frenesi, a questão de “quem são os três coringas?” permaneceu no fundo por anos, deixando os fãs teorizarem o que a cadeira queria dizer com essa revelação.

Com a perspectiva exposta por Geoff Johns, revisita o trauma de Jason Todd e Barbara Gordon, cava o lado vulnerável e sensível da família do Batman, determinando se eles são produtos dessas experiências horríveis.

Dcomposição (DCeased) por Tom Taylor

O conceito de zumbi criou um fandom massivo que se estendeu a vários meios, desde filmes, livros e colecionismo diveros. Esse conceito popular acabaria sendo introduzido nos quadrinhos e, por extensão, ao gênero de super-heróis, trazendo algumas histórias interessantes para os universos da Marvel e da DC.

Embora a Marvel tivesse seu Marvel Zombies desde 2005, que era um título relativamente popular, DCeased provou que foi melhor como super-herói zumbi, tendo vários desdobramentos e continuações desde o lançamento em 2019 que expandiram a série para outros caminhos.

Em um estilo Skynet,  a história traz um vírus digital que é involuntariamente liberado por Cyborg após uma trama insidiosa de Darkseid, instigando a equação anti-vida para transformar todos os que olhavam através da esfera digital em zumbis anti-vida estúpidos e corrompidos.

São essas histórias em quadrinhos que a DC Comics lançou em 2020, que merecem sua leitura!