em ,

Revolution: o crossover dos quadrinhos sob licença da Hasbro

A IDW Publishing começou a editar os quadrinhos dos Tranformers  já faz alguns anos. Um tempo depois, conseguiram a licença dos Comandos em Ação, os GI Joe. E ao longo dos anos foram licenciados para Action Man, M.A.S.K., Micronautas e ROM. Todas tem em comum a propriedade intelectual da empresa de brinquedos Hasbro, mas todas as coleções tinham sua independência argumental, salvo excessões, como foi com a minissérie “Transformers Vs GI Joe” de Tom Scioli. Não se tinha a sugestão que as narrativas das histórias trasncorressem num universo fictício ao estilo da Marvel, Valliant ou da DC.

4Tudo isso irá mudar com Revolution, um evento que se iniciara em setembro, que impricará em colocar no mesmo cosmos todas as séries. Não se tratará de um reboot nem de nada parecido, e será uma continuidade da linha argumental dos Transformers, justificando o qual foi a reação do governo dos EUA e seus GI Joe após Optimus Prime anexar o Planeta Terra ao conselho de mundos de Cybertron. E é claro que o governo norte-americano tem uma opinião formada sobre a decisão do líder dos Autobots. Mais sensível será a integração de ROM, Micronautas e Action Man, que entrarão ao longo do crossover, tendo uma breve aparição na estréia. Por outro lado, a série de M.A.S.K. irá aparecer no transcorrer de Revolution.

6Os autores Cullen Bunn, John Barber e Fico Ossorio relataram que, quando propuseram a idéia para a Hasbro, a Paramount Pictures teria anunciado sua pretensão de fazer algo bem parecido para a telona. Unir os personagens das franquias num ambicioso projeto para criar um universo compartihado pelos personagens, na linha da Marvel Studios con seus superherois, o que a DC-Warner apresentou, ou o que a Universal quer fazer com sues monstros clássicos.

Uma casualidade que tornou as coisas mais fáceis para os autores de “Revolution”, que assegurou a indepêndencia do argumento.  Outras franquias da Hasbro, como “Jem”, “Visionaries” e “Dungeons and Dragons” não serão incorporados neste novo universo. Iremos aguardar, mais novidades.

Fontes: Comics Alliance, Comic Book Resources

Deixe sua opinião

Artista colombiano explora ilustrações tipográficas

Viviane Araújo tem boa estreia no teatro com ‘Até Que o Casamento Nos Separe’