em

Hitchcock teria orgulho de “Bates Motel”

Todos sabem que “Psicose” é um dos maiores filmes de todos os tempos, graças à genialidade de seu diretor Alfred Hitchcock. Considerado por muitos um dos melhores roteiro já escritos e com algumas sequências e remakes como homenagem, é chegada a hora de um seriado.

“Bates Motel” se passa antes do filme original, quando Norma (Vera Farmiga), após perder o marido, compra o motel e se muda para lá com seu filho adolescente Norman (Freddie Highmore). O motel fica situado em uma costa litorânea de uma cidadezinha dos EUA. Norman estranha como a mãe conseguiu comprar a propriedade, mas ela logo explica que só conseguiu arrematar pois o dono não pode arcar com algumas despesas e por isso o motel tinha ido a leilão.
BatesMotel (1) No primeiro dia dos dois na casa, o antigo dono aparece fazendo um monte de ameaças o que não parece ter intimidado Norma. Furioso, ele retorna à noite e encontra Norma sozinha em casa. Ele a ataca e a estupra. Ela grita por Norman, mas ele não responde. Nem tinha como, pois ele não estava em casa no momento. Ela tenta lutar, mas Keith a prende na mesa da cozinha. É quando Norman chega e dá uma pancada no homem que cai no chão, desacordado. Ele implora para a mãe para que chamem a polícia, mas ela recusa. Num acesso de raiva, ela esfaqueia Keith diversas vezes. Norman não entende porque a mãe está fazendo aquilo, mas ela fica dizendo que é o melhor para eles.
Perdidos, agora só resta aos dois se livrarem do corpo. E ao começarem a fazer isso, alguém bate à porta deles: é a polícia. Assustada, Norma tenta a todo custo parecer que eles estão apenas redecorando, mas não convence muito bem o Xerife. Ele faz perguntas a respeito de Keith e Norma mente, dizendo que nunca viu o homem. O que é apenas o início de uma extensa rede de mentiras, manipulação e mais segredos.
Bates3

Em seu episódio de estreia, a série teve uma audiência incrível, quebrando alguns recordes para o canal A&E, onde é transmitida. O cenário é um personagem à parte, e a locação foi muito bem escolhida, tornando todo o suspense em volta da estória mais profundo. A relação entre Norman e sua mãe é algo único. Eles possuem um vínculo bastante intenso e co-dependente. Um não parece viver sem o outro. Fazem cobranças como se fossem marido e mulher, o que é um tanto perturbador. É quase como se vivessem em outro universo, o que dá para distinguir claramente dentro do seriado. O figurino do Norman e da mãe é antiquado, assim como a decoração da casa e eles se comportam de uma maneira diferente dos demais moradores da cidade. Norman é inteligente, muito tímido e um típico filhinho da mamãe, pois faz de tudo para não contrariá-la. Ao mesmo tempo, ele é um adolescente e quer viver sua vida.
S1BM-18 Norman é interpretado pelo jovem (mas veterano) ator britânico, Freddie Highmore que possui excelentes papéis em seu currículo. Apesar de ainda precisar trabalhar bastante sua dicção (às vezes parece que está com um ovo na boca), ele atua muito bem e sabe dar o tom certo de loucura e paranoia que o personagem requer. Sua parceira, Vera Farmiga, não fica atrás e está arrasando como a mãe controladora de Bates.

Após as críticas favoráveis, o canal A&E renovou “Bates Motel” para uma segunda temporada que irá ser lançada em 2014. A primeira, atualmente em cartaz no canal a cabo Universal Channel, possui 10 episódios. Hitchcock certamente ficaria orgulhoso dessa produção criada por Carlton Cuse, Kerry Ehrin e Anthony Cipriano, pois eles mantiveram a essência do suspense e tensão existente no original, incluindo novos elementos, estória e personagens a um cenário mundialmente conhecido como o Motel Bates.

alguém opinou!

Deixe sua opinião!

Deixe sua opinião

“Wolverine: Imortal” recupera a dignidade do mutante mais famoso da Marvel

O documentário “The Flat” vai te surpreender