em ,

Segundas de Mistério – Seasons Finale!

Quando chega essa época sempre me dá um aperto no peito. Por um lado, é muito bom conhecer os desfechos dos seriados, por outro a angústia de ter que esperar três meses por uma nova temporada não é fácil.

House S06E21 “Help Me”

- house 600x399 - Segundas de Mistério – Seasons Finale!

No último episódio, House vai ao encontro de Cuddy em seu escritório e lhe entrega um livro. Ela pergunta qual o motivo do presente e ele diz que é de boas-vindas ao casal à nova casa que eles compraram. Cuddy fica estranha e House pergunta o motivo. Ela diz que pensou que fosse um presente de noivado, pois Lucas fez a proposta e ela aceitou. House não acredita. Ela diz que aconteceu um acidente grave e que está indo ajudar e pergunta se ele não vai. Ele diz que não tem interesse nenhum em ir. Mas, decidi segui-la para que possam conversar mais. Quando chegam ao local, um guindaste caiu em um prédio soterrando muitas pessoas. Cuddy e House começam a triagem. Em meio ao caos, House ouve uma batida e encontra uma moça soterrada numa espécie de bolsão.

Uma viga caiu em cima da perna dela e não é possível remover sem prejudicar ainda mais a estrutura, com o risco do prédio todo vir a baixo.  O bombeiro chefe dá a idéia de amputar a perna da moça, mas House é completamente contra. Cuddy diz que ele está sendo irracional, mas pede mais um pouco de tempo para tentar retira-la de lá. Ao deixar o local, House e Cuddy discutem e ela cospe um monte de verdades em cima dele, e dá o ponto final: diz que não o ama. House fica atônito.

Ele volta a ajudar a moça e eles conversam um pouco. O bombeiro chefe e House tentam removê-la, mas a tentativa é em vão e eles ficam mais soterrados. A única solução é a amputação. House então convence a moça dizendo que talvez ele fosse uma pessoa melhor se tivesse permitido que lhe cortassem a própria perna. Ele próprio realiza a amputação e então corre com a paciente para a ambulância… mas ela tem uma parada cardíaca e falece antes de chegar ao hospital. House está inconsolável e só sabe um jeito de se sentir melhor: Vicodin. Ele volta para seu apartamento, arranca o espelho e atrás tem um buraco com dois frascos do remédio. Ele pega duas pílulas e senta no chão.

Eis que chega Cuddy e ele fica confuso. Ela diz que não ama Lucas e que não vai mais se casar com ele. Mas que precisa saber se eles vão dar certo, e também diz que mentiu dizendo não o amar. House pergunta se aquilo ali não é mais uma alucinação dele. Ela estende a mão, ajudando House a se levantar e eles se beijam,  e ele abre a mão e deixa as pílulas caírem no chão. Fim.

Eu chorei. Afinal, quem assiste House sempre torce pelos dois juntos. Fiquei morrendo de pena dele com todas as verdades que a Cuddy falou. Ele é muito bom em falar a verdade para as outras pessoas, mas não sabe lidar com seus sentimentos. E quando ele finalmente reconhece, é de doer o coração. Mal posso esperar pelo andar da história na 7° temporada.

Fringe S02E23 “Over There Part 2”

- fringe1 600x399 - Segundas de Mistério – Seasons Finale!

William Bell ajuda Olivia a localizar o Walter. A divisão Fringe consegue localizar onde Walter está e seguem para lá. Olivia e Bell chegam um pouco antes deles, e Bell fica tentando distrai-los para que Olivia consiga retirar Walter em segurança. Quando a outra Olivia e Charlie chegam à cama, Walter já não está mais lá. Olhando as fitas de vigilância, a outra Olivia toma conhecimento de que os invasores são suas cópias.

A outra Olivia conversa com o Sr. Secretário e conhece Peter, que fica um pouco desconcertado na presença da semelhante de Olivia. O Walternativo conta para a outra Olivia que aquele homem em sua sala era seu filho desaparecido e pede que ela o leve para um outro lugar. Também diz ter omitido deles que aqueles que estão caçando são suas cópias do outro universo. O Walternativo diz que ela deve tomar muito cuidado, pois eles são muito perigosos e que ela não deve acreditar em nada que sua cópia lhe diga. Ela deixa Peter no apartamento, ainda meio estranho por causa da presença dela. Walter finalmente se encontra com Bell e o encontro dos dois não é normal.

Eles têm muito pouco tempo para resgatar Peter e voltar para o mundo deles. Bell e Walter seguem para o laboratório em Harvard, enquanto Olivia vai encontrar um jeito de chegar até Peter. Walter e Bell encontram o aparelho que precisam e colocam o assunto em dia. Olivia decide ir até o apartamento da outra Olivia pedir ajuda. Elas trocam informações, quando Olivia vê a foto de sua mãe em um porta-retrato e descobre que sua irmã morreu no parto naquele mundo. Olivia se distrai um pouco e a outra consegue desarmá-la. As duas começam a lutar e Olivia vence com muito custo. Ela tinge o cabelo para parecer com a outra, que está inconsciente e amarrada. Ela descobre onde Peter está e logo que sai de casa dá de cara com Charlie na porta esperando por ela.

Os dois seguem para o apartamento de Peter e conseguem convencê-lo de quem é. Ela diz que ele precisa voltar porque não pertence àquele mundo. Peter diz que também não pertence ao outro. Ela então diz não saber o que fazer, pois o lugar de Peter é ao lado dela, e por isso se arriscou a ir atrás dele. Os dois se beijam. A outra Olivia acorda e consegue se soltar e ir até a divisão Fringe contar o que aconteceu, e a busca começa. Peter e Olivia chegam ao teatro logo atrás de Walter e Bell. A divisão Fringe também chega e o tiroteio começa. Peter e Walter entram juntos, mas Bell e Olivia ficam para trás revidando os tiros. De repente, um clarão e Bell apaga. Olivia o acorda e eles entram no teatro. Todos se unem e eles voltam ao outro mundo. Peter diz que entende porque Walter fez o que fez e agradece por ele ter salvado sua vida duas vezes, mas que ainda assim estava magoado.

Olivia vai para casa e começa a olhar tudo em volta. Depois ela vai até uma loja de máquinas de escrever e pede por um modelo específico. Entra num quartinho e escreve uma mensagem: “infiltração bem sucedida”. No outro universo vemos o Walternativo num corredor estreito, ele caminha até uma janela e abre a persiana. Dentro do quarto está Olivia, que pede desesperadamente para sair, mas Walter limita-se a dar um sorriso e fechar novamente a cortina.

Meu Deus!! Todo o episódio foi uma enxurrada de informações. Finalmente descobrimos porque Bell fez o que fez com o Walter. Porque se não removesse pedaços do seu cérebro, ele iria se tornar como o Walternativo e ele não queria que isso acontecesse. Olivia e Peter se ajeitaram, mas agora vai demorar até eles ficarem juntos de novo. Mas eu acho que Peter vai descobrir rapidinho que ela não é ela por causa do beijo entre os dois. Não sei. Prefiro esperar para ver o que vai acontecer. Mas foi um ótimo episódio.

The Mentalist S02E23 “Red Sky In The Morning”

- tm 600x399 - Segundas de Mistério – Seasons Finale!

Vemos o encontro de Jane com Kristina. Tudo parece ir muito bem, até ela começar a dar seus showzinhos com o garçom. Jane se sente incomodado e sai da mesa. Quando volta, está pronto para dizer que não vai dar certo entre eles, mas seu celular toca. É Van Pelt o chamando de volta ao escritório, pois eles receberam um vídeo estranho.

Quando ele chega e vê que o vídeo mostra uma menina sendo morta e uma marca na parede: Red John voltou. Jane fica agoniado e pede à sua chefe que não deixe Kristina participar do caso, e ela concorda. Ele vai até o local do crime e constata que não foi Red John quem matou, aquilo é uma imitação. Enquanto investigam a morte da menina, Kristina dá uma entrevista na televisão, fazendo exatamente o que Jane havia feito antes: expondo Red John como se ela o conhecesse. Jane fica desesperado e pede para que sua chefe monte uma vigília, pois tem certeza de que Red John vai atrás dela procurando por vingança.

Ele se reveza com Lisbon, mas acaba discutindo com Kristina e deixando a casa. Apesar do pedido de Lisbon dele se manter longe do caso, Jane decide ir atrás de uma pista que encontrou na casa do possível assassino. Ele chega a um hotel abandonado e é pego. Quando acorda, está amarrado a uma cadeira e então descobre que não foi um, mas três pessoas responsáveis pela morte da menina. Ele tenta dissuadir o menino a matá-lo, mas ele não consegue. Eis que surge Red John, mata os dois adolescentes e fere o terceiro. Jane fica aturdido. Red John se aproxima e diz que Kristina mandou lembranças.

Teve um final muito morno, apenas com o real aparecimento do Red John. Apesar de gostar muito da série, acho que ela se perdeu em não dar continuação ao plot principal que é a vingança de Jane. Interessante seria continuar com o caso Red John relacionando com outros casos que fossem dando pistas para que, assim, eles se aproximassem mais do serial killer.

CSI S10E23 “Meat Jeckyll”

- csi1 600x399 - Segundas de Mistério – Seasons Finale!

Catherine e Langston tiram o serial killer Nate Haskell da prisão para que ele possa lhes dar informações sobre quem é o verdadeiro Jeckyll. Ele conta que conheceu Jeckyll em um restaurante e logo soube que ele se tornaria alguém interessante. Langston pede provas, e Nate diz que ele pode encontrar o que deseja no arquivo de seu caso. Nick e Sara encontram um macarrão em formato de laço borboleta como o da vítima Bigelow. Depois de muito investigar, a equipe CSI chega até o tal restaurante e descobrem que todas as vítimas de Jeckyll passaram por ali, pois seus retratos encontram-se pendurados pelo local.

Eles então começam a investigar os funcionários do lugar. Langston mostra uma lista de funcionários a Haskell , mas ele pede um favorzinho antes: uma stripper. Uma moça é levada até o local e antes que ela complete o show, Langston exige que Haskell dê mais uma informação. Ele aponta um nome aleatório na lista.

Eles chegam até um restaurante onde Papa é o dono. Ele conta que era gerente do outro restaurante e que conhecia todas as pessoas mortas. Langston pede uma lista de funcionários, e o filho de Papa, Charlie, diz que vai buscar. Com a demora do rapaz, Nick pede ao policial que vá atrás dele na cozinha e então ouvem um tiro. Nick vai atrás e também é baleado.

Na prisão, Nate consegue irritar o guarda que o vigia. Este lhe dá um choque e ele cai no chão quebrando os óculos, e guarda a haste. No restaurante, Papa está muito mal e Langston sabe que ele é a próxima vítima do próprio filho que confessa ter feito aquilo tudo, pois o pai lhe tirou o seu grande sonho para ficar trabalhando em um restaurante. Langston conversa com Charlie e tenta fazer com que ele desista. Charlie diz querer ver o pai morrer.

Langston então nota que Nick está acordando e esticando o braço para alcançar a arma. Ray chama a atenção de Charlie, que sai de onde está escondido e leva um tiro de Nick. Tudo termina bem. Após visitar Nick no hospital, Langston se dirige até a polícia para comunicar o ocorrido a Nate. Ray agradece a ajuda e se despede de Nate. Quando está saindo, Nate o agarra e lhe dá estocadas com a haste do óculos nas costas várias vezes. Langston fica caído no chão e uma poça de sangue se forma a sua volta.

Sinceramente? Eu espero que ele morra. O seriado anda muito ruim desde a saída de Grissom. Acharia muito bom se eles conseguissem trazê-lo de volta na 11° temporada e que ele desse um jeito em tudo. Ou o mais sensato, encerrar o seriado. Eles perderam a mão com o seriado e tudo desandou.

É isso aí pessoal, até Setembro.

Melissa.

Deixe sua opinião

Avatar Ninja

Publicado por Melissa Andrade