Cultura colaborativa! Participe, publique e ganhe pelo seu conteúdo!

Hélder Viana faz show no festival Copacabana in Concert

Não é de hoje que o compositor e violonista mineiro Hélder Viana é elogiado por grandes nomes da música brasileira. E esse prestígio marca o seu retorno aos palcos, com as participações especiais de Jane Duboc e Altay Veloso, no festival “Copacabana in Concert”, na sexta-feira, dia 4 de novembro, às 19h30, na Sala Municipal Baden Powell.

Com a direção musical do também mineiro Kiko Continentino e uma banda formada pelo baterista Paulo Braga e os irmãos Continentino, Jorge e Alberto, Hélder apresenta um repertório com canções autorais, como “Maria” e “Dama da Noite”, e põe um pouco do sabor das geraes em clássicos da Bossa Nova, como “O Barquinho” (Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli) e “Samba de Verão” (Marcos e Paulo Sérgio Valle).

A Sala Municipal Baden Powell fica na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 360. Os ingressos custam a partir de R$ 20.

Talento que emana das raízes do Brasil

Oriundo de uma tradicional família de congadeiros, Hélder Viana nasceu no município de Oliveira, interior de Minas Gerais, em 1963. Iniciou a carreira artística em 1978, no festival da canção local, passando depois a residir em Belo Horizonte, para onde foi estudar e tocar em bares, em 1984. Participou do “I Seminário Brasileiro da Música Instrumental”, idealizado por Toninho Horta e realizado em Ouro Preto, em 1986. Nessa época, estudou violão com Amauri Aranha e trabalhou como percussionista em diversas bandas, como a instrumental Nhoc. No teatro, tocou em peças como “Zumbi”, “Os Saltimbancos”, “O Trem das Vertentes” e “Tempestade” (tendo feito a trilha sonora da última). Acompanhou diversos artistas, entre eles, Amelinha, Oswaldinho do Acordeon e Sivuca.

Em 1994, foi o vencedor do “I Festival do Tribunal de Justiça de Minas Gerais” com a composição “Búzios”, interpretada pela cantora Loslena e julgada pelo emblemático letrista Fernando Brant. Em 2001, lançou o primeiro álbum, “Cabrália”, com participações especiais do saxofonista Chico Amaral, do guitarrista Celso Moreira e do percussionista Sidinho Moreira. O show do disco percorreu o Sudeste por quase uma década e foi aclamado pela crítica, ganhando elogios de ninguém menos do que Milton Nascimento. Entre 2011 e 2013, realizou a sua primeira turnê internacional, passando por Portugal, Itália, Espanha, França e Inglaterra, registrada em dois DVDs. Após dois anos de pandemia, ele retorna aos palcos do Rio de Janeiro – onde não se apresentava desde 2019 – com um time de artistas renomados.

Serviço:

Copacabana in Concert: Helder Viana, com Jane Duboc e Altay Veloso

Quando: Sexta-feira, dia 04 de novembro 

Abertura do Foyer com serviço de Bar: 17h30m

Horário do show: 19h30  

Local: Sala Municipal Baden Powell – Av. Nossa Senhora de Copacabana, 360 – Copacabana.

Ingressos: R$ 40 (inteira); 20 (meia), vendas pelo site Sympla ou presencial na bilheteria da Sala Municipal Baden Powell, sem taxa de conveniência, no dia do evento, a partir das 17h (somente em dinheiro)

Mais informações: https://www.sympla.com.br/evento/helder-viana-convida-jane-duboc-e-altay-veloso/1735115 

Classificação etária: 14 anos

Compartilhar Publicação
Link para Compartilhar
Publicação Anterior

Unholy Harakiri lança “Ketsuro”

Próxima publicação

Gabriel Torggler inaugura exposição “Sono Infinito” na Lona Galeria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia a seguir
Ambrosia Receba as novidades em primeira mão!
Dismiss
Permitir notificações